tudo b br int a c d des fit pol t v w meta

/t/ - Tecnologia

Nome
Opção
Comentário
Ficheiro
Áudio Abrir gravador
  • Lê as Regras e o FAQ antes de participar.
  • Voltar  Arquivo 

    1595625753321.jpg  (52,3 KB, 578x508) ImgOps

     /#/ 3282

    Alguém daqui é expert em full stack?

    Eu comecei a aprender há uns meses e decidi seguir a rota de um youtuber que já conhecia (Derek Banas). Infelizmente, apesar dele ser bom a ensinar OOP, os vídeos dele relacionados com web development poderão não ser assim tão bons porque o gajo está agarrado a jQuery+PHP enquanto que os outros paneleiros todos no youtube e trevo original dizem que devia era aprender React+Nodejs.

    O que é que voçês acham que é a melhor framework/library para js e qual é a melhor linguagem para backend.

    Além disso, podem dar o link de alguns projetos que já tenham completado? Para ter uma noção do que se faz no mercado de trabalho.

    Algumas playlists que tenho na mira:
    >https://www.youtube.com/user/derekbanas
    >https://www.youtube.com/c/TraversyMedia/featured
    >https://www.youtube.com/c/Freecodecamp/
    >https://www.youtube.com/channel/UC6ZL0QLBNKBAOx6vjQXTIJA

     /#/ 3283

    >>3282
    *Terceiro parágrafo é suposto ser uma pergunta

     /#/ 3284

    >>3282
    E já agora mencionem a database que preferem. Eu estudei um pouco de MySQL porque foi a primeira que me apareceu à frente mas se há alguma recomendação por outra gradeço.

     /#/ 3285

    >>3284
    Se trabalhas com PHP é praticamente a única opção.

     /#/ 3287

    segundo o armindo este ptxina usa php+mysql e o novo usa nodejs+mongodb

     /#/ 3292

    Já quase ninguém usa jQuery?

     /#/ 3316

    PHP é safe bet, node js é lixo

     /#/ 3323

    >>3316
    Por mera força dos números ou outra razão?

     /#/ 3325

    >>3292
    Isto é uma pergunta, ou és daquelas gajas que termina afirmações com ?
    >uhm ok? não entendo o que queres dizer?

    >>3323
    Números, também podes aprender Cobol e saber que vais ter emprego durante anos. Havia uma altura em que Ruby on Rails também podia dizer o mesmo, mas isso não correu muito bem.
    De qualquer forma, para responder às tuas pergunta originais:
    >O que é que voçês acham que é a melhor framework/library para js
    jQuery. De certeza que há umas quantas que não conheço que são melhores, mas jQuery faz tudo o que quero sem ser um monolito que substitui a linguagem base.
    >e qual é a melhor linguagem para backend.
    Talvez JS com NodeJS, ou Go. Eu pessoalmente gosto de Python assíncrono.
    A minha stack de escolha é:
    >Python 3.8
    >asyncio (deixa-te usar python assíncrono)
    >uvloop (event loop alternativo para asyncio)
    >Quart c/ Hypercorn (webserver async tipo Flask)
    >tortoise (ORM async com uma sintaxe muito fácil)
    >sqlite (tipo de BD)
    Mas como a fofinha acima nos relembrou, não queres só aprender algo que seja bom/fácil, mas que seja muito usado. Haskell é provavelmente uma linguagem excelente, mas usada por 10 pessoas. Tanto JS como Python são boas para aprenderes, JS tem a vantagem de ser a única linguagem que consegues usar na stack toda.

     /#/ 3347

    >>3323
    >>3316 aqui.

    Números e a tecnologia em si.

    Eu não vejo aí muitas ofertas específicas de programadores de node.js e por exemplo, na minha empresa é usado mas são coisas que programadores já experientes noutras linguagens pegaram em node para fazer algum script de auxílio mas nunca ninguém contratou ninguém especialmente para fazer node. Da mesma forma que temos montes de scripts python mas não se contrata gente especialista, é uma coisa que alguém que saiba programar aprender em meia dúzia de dias e já consegue fazer cenas porreiras. Tudo o que temos em node tem sido tornado obsoleto aos poucos e acho a mim parece que foi uma modinha que foi fixe durante uns tempos mas há de morrer.

    Eu já experimentei node uma vez e fiquei com a impressão de que aquilo não escala para web, porque enquanto que em PHP aquilo executa um script do inicio ao fim e serve a página e para cada request é um processo novo que é alocado a um núcleo aleatório do CPU e por isso faz uso do CPU todo, o node.js tem uma única instância durante toda a execução do servidor, que está numa única thread e por isso só usa no máximo um core por defeito. Podes fazer spawn por várias threads mas era dor-de-cabeça, e se a instância do node.js tem um erro qualquer e não recupera, o teu servidor vai à vida... enquanto que no PHP fica isolado e um erro só afecta aquele pedido HTTP. Eu usei node.js puro sem frameworks ne nada, foi há muito tempo e não acompanhei o desenvolvimento - se calhar nos dias de hoje está diferente ou há coisas que torna fácil colmatar esse problema (talvez o anão do >>3325 saiba melhor).

    Eu não tenho grande prazer em web mas se tivesse de ir para web e pudesse escolher, de certeza que tentaria algo ao estilo Vaadin que é mais poderoso por ser Java, pagam muito bem (estou a falar de ordenados de 40~50k/ano em PT), fazes aplicações profissionais porreiras, tens um monte de compontentes pré-fabricados, é rápido e também tens a vantagem de conseguir usar apenas Java stack toda. Não tens de usar CSS, HTML, Javascript, PHP... só usas Java, a não ser que precises de fazer o teu próprio botão com estilo xpto. No entanto és capaz de ter uma curva de aprendizagem maior e de ser menos divertido por não teres a recompensa imediata.

     /#/ 3377

    >>3347
    Interessante. Eu sinceramente detesto java pela natureza da linguagem. Não tem primitive unsigned types (pelo menos até recentemente), default arguments, referências e apontadores. Não será ASP.NET melhor? Eu não conheço C# mas tenho um feeling que que a linguagem base é melhor que java, a não ser que haja ai uma grande framework que mude tudo.

     /#/ 3380

    >>3377
    Boa pergunta, esqueci do C# e ASP.NET. Tenho visto bastante gente a safar-se com bons salários a trabalhar em C# e não parece ser nada difícil, diria algo entre 28 a 33k brutos. Já ouvi dizer que C# é uma espécie de Java melhorado mas nunca toquei (assim como toquei pouco em Java).

    Lembro que Java tinha uma cena marada que era teres tipo int e Integer porque não podias derivar de int mas já podias de Integer, mas não sabia que não tinha primitivas unsigned. Referências e apontadores é problema não ter? Não é mais fácil ter a linguagem a tratar disso tudo automaticamente e escolher o melhor? isso há de ser tudo optimizado pelo JIT não?

    Eu dessas bandas não conheço muito, a minha praia é mais low-level.



    Voltar[Resposta rápida]
    Apagar Comentário [ ]
    tudo b br int a c d des fit pol t v w meta