tudo i br int a c des fit pol t v w 3d meta

/i/ - Internet

codificação por cores a partir de identificação numérica
Nome
Opção
Comentário
Especial
Ficheiro
Áudio Abrir gravador
  • Lê as Regras e o FAQ antes de participar.
  • Voltar  Arquivo 

    1609695827995.jpg  (267,47 KB, 677x938) ImgOps

     /#/ 147302Tudo

    JÁ COMEÇARAM A MORRER
    Clica aqui para ver.212 respostas e 39 imagens

     /#/ 148792

    >>148788
    Contando que não façam passar merdas com meses como se fosse do mês passado ou que não omitam merdas..

     /#/ 148793

    porkek ele tem de queimar tempo desta forma em vez de mostrar logo as medidas? eles já tinham adiado a conferência de imprensa 3 horas e meia...

     /#/ 148794

    DOUTOR TOURO E É DE GOA a mandar tudo para casa.

    FORSSA MEU GRANDE E SUPREMO LÍDER

     /#/ 148795

    Obrigatoriedade taxativa de teletrabalho.

     /#/ 148796

    Dever de recolhimento voluntário
    Todas as escolas abertas
    Duplicação das coimas em caso de desrespeito das medidas sanitárias, como uso de máscara na rua

     /#/ 148797

    1610563882642.jpg  (166,55 KB, 1137x853) ImgOps

    TOURO TOURO TOURO TOURO TOURO

     /#/ 148798

    Cabeleireiros e barbeiros fechados?

     /#/ 148799

    Jornalista: "-para que Consigamos VIVER EM SOCIEDADE"

     /#/ 148801

    1610564638798.jpg  (229,02 KB, 1351x1689) ImgOps


     /#/ 148802

    Grande Touro. Escolinha aberta que é para continuar a exportar pessoal qualificado no futuro e tudo o resto fechado que é para daqui a meia dúzia de anos Portugal ser mais pobre que a Macedónia do Norte.

    Se bem que uma coisa também é verdade, nós não podemos dizer que há grande contágio em escolas porque aparentemente não sabemos de onde é que os contágios aparecem
    Enquanto escrevo isto o Marcelo fez mais um teste

     /#/ 148804

    1610565250626.jpg  (49,44 KB, 682x430) ImgOps

    >>147302

    baseado Touro a lembrar-nos do nosso dever diário de visitar a mesquita e de sermos pios.

     /#/ 148813

    >>148802
    A principal fonte de contacto são os meios familiares.
    Esquecem-se é que para levarem o vírus para casa é porque andaram a apanha-lo nos transportes públicos, na escola, no ginásio, no trabalho, nos supermercados, etc

     /#/ 148816

    >>148813
    o virus não é real.
    cumps.

     /#/ 148817

    >>148813
    A principal forma de contacto é "não sabemos".

    >Ou seja, a larga maioria dos infectados, 87%, não foi contactada pelas autoridades de saúde para ser feito o habitual rastreio epidemiológico de forma a tentar determinar a cadeia de contágio.

    https://www.publico.pt/2021/01/13/sociedade/noticia/desconhecese-origem-87-contagios-rastreadores-aumentam-1946068

     /#/ 148818

    Chamar a isto, seja lá o que isto é, confinamento é de uma desonestidade intelectual tremenda. Basicamente os tasqueiros e os paneleiros dos cabelos fecham e o resto continua tudo na mesma.
    Basicamente o Toni das Chamuças chama a isto confinamento para ver se o pessoal tem um pouco mais medo, apenas é só.

    Pqp que esta merda vai piorar e piorar muito nas próximas semanas.

     /#/ 148819

    >>148818

    Não vai nada, crl. Tens de acreditar que isto vai melhorar. O Cavaco já falou com a Nossa Senhora de Fátima.

    https://www.youtube.com/watch?v=S4INdDyNTVg

     /#/ 148820

    >>148817
    Lembro-me do Touro de Goa ter mostrado um gráfico circular a dizer que a principal fonte de contágio era o meio familiar.

    Mas fraco confinamento. Continua tudo a fazer a mesma vida de antes

     /#/ 148821


     /#/ 148823


     /#/ 148824

    >>148813

    Dos 13% ou seja - dos que se sabe a fonte - a principal fonte era o meio familiar - viverem no mesmo apartamento, etc.

     /#/ 148825

    1610567795008.mp4  (13,06 MB, 696x392) ImgOps

    A bazuca só aparece no 3º trimestre/Q3 de 2020

     /#/ 148827

    Que se fodam todos, façamos a vida normal com máscara e quem morreu, morreu. Chama-se seleção natural.

     /#/ 148829

    >>148827
    Sejamos sinceros aqui, nunca tentámos impedir as pessoas de ficarem doentes, primo. O nosso problema é controlar a enchente de zombies nos hospitais. Isso aplicado ao que estás a dizer seria antes:
    >quando o hospital atingir o número máximo de camas, em vez de arranjar mais espaço e meios, recusar toda a gente e chamar o exército para os manter em casa até morrer.

    Não andamos a querer menos infectados. Nunca quisemos. Andamos é a controlar o fluxo de entradas e saídas hospitalares, só e apenas.

     /#/ 148830

    >>148820
    >Lembro-me do Touro de Goa ter mostrado um gráfico circular a dizer que a principal fonte de contágio era o meio familiar.
    Isso é daquelas frases enganadoras o Touro que vá-se lá saber porquê não é esmiuçada pelos merdia (polígrafo onde andas?). É verdade que dos contágios onde se conhece a cadeia, a maioria é em meio familiar. No entanto, na esmagadora maioria dos contágios, não se sabe onde é que ele ocorreu. Nos que se conhece (13%), a maioria é em meio familiar. O Touro chico esperto faz a extrapolação e diz que isso se aplica aos contágios todos. Mas obviamente que tal não faz sentido, porque nos casos onde se apanha o vírus em casa, isso é quase sempre identificado, pois é quase impossível apanhares de alguém no teu agregado familiar e não saberes que é esse o caso. Ou seja, os restantes 87% serão quase todos casos fora do seio familiar, o que significa que essa afirmação do Touro é uma aberração, mas que vai passando porque ninguém tem colhões para se meter com o Pê Ésse. É literalmente pegar numa amostra não representativa e extrapolar para a população inteira, uma merda que até no primeiro ano da faculdade faz qualquer aluno chumbar.

     /#/ 148831

    7,5 milhões em breve

     /#/ 148832

    >>148823
    Claro, quem não é doente covid que se foda, porque não aparece nas estatísticas diárias. Tenho um familiar que teve um AVC, e cancelaram todo o acompanhamento posterior que deveria ser feito a um doente destes. Se morrer amanhã o estado está-se a cagar porque não aparece no relatório diário do covid. Anda um gajo a pagar impostos a vida toda para o SNS lhe fechar as portas assim. Este país é uma merda.

     /#/ 148833

    >>148829
    Mas isso tinha solução se existisse interesse em mobilizar privados da saúde para o combate pandémico, em vez de andar com estes confinamentos todos que vão passar uma enorme fatura na economia a longo prazo.

     /#/ 148834

    >>148833
    Mobilizar privados? E admitir que a nossa ideologia falhou? Juízo, cidadão.

     /#/ 148844

    1610573723538.png  (123,23 KB, 488x457) ImgOps

    https://outline.com/3udVtD

    >Todas as coimas vão ser elevadas para o dobro durante o Estado de Emergência. Medida, para travar o agravamento da pandemia, que entra em vigor às 00h de dia 15 de janeiro e que fará disparar as multas por falta de teste nos aeroportos para entre 300 e 800 euros,

    <enquanto a falta de máscara poderá obrigar aos cidadãos a desembolsar até 1.000 euros.

     /#/ 148846

    1610574433453.png  (394,65 KB, 1732x3292) ImgOps

    >>148762
    Para além de labrego és analfabeto. Se achas que o excesso de mortalidade na Suécia não é totalmente explicado pelo número de mortos por COVID-19 vai pegar nos números de 2010-2020 de mortalidade, compara com a média da década e corre os estudos estatísticos que te der nessa mioleira. Até és capaz de ficar surpreendido. Já te deixei a papinha toda com as referências que coloquei.

    Como não tenho muito tempo para me debruçar sobre o assunto fica também aqui os dados do EUROMOMO em que analisam vários países.

     /#/ 148852

    >>148844
    não percebi, tenho de usar o açaime na rua?

     /#/ 148855


     /#/ 148857

    >>148855
    Mesmo se a rua tiver deserta? E se estiver a comer algo numa rua deserta o suficiente para manter a distância de 3 ou 4 metros de toda a gente?

     /#/ 148859

    >>148857
    Já estás a questionar muito. Usa o açaime e fica caladinho.

     /#/ 148868

    >>148802
    Existem surtos nas escolas, mas são noticias de rodapé ou noticias rapidas que são mencionadas uma vez e nunca mais. Basta googlares para veres que isso acontece

    >>148801
    >casa trabalho casa xixi cama
    Era mais facil dizer isso do que gastar dinheiro numa merda ridicula dessas com medidas que já estão a ser aplicadas aos meses.

    >>148844
    Só sabem é criar multas, coimas taxas e impostos. De resto, nem o PM sabe da puta das regras e medidas que meteram em Março se lembra mas"vão ver a net lol",

    Obriguem é os putos dentro de espaços fechados a usar mascara caralho, pais burros do caralho.

     /#/ 148869

    >>148823
    Ela que se vá foder.

    >>148825
    Troika em 2022 ou inicios de 2023.Comecem arranjar cintos para se apertarem

     /#/ 148873

    >>148844
    Mais medidas que só castigam os pobres.

     /#/ 148875

    vim agora de um jantar no centro do Porto, estava tudo cheio. o o
    metro estava tão cheio como fins de semana fora da pandemia, montes de gente bêbada na rua, parecia dia de festa.

     /#/ 148879

    >>148869
    Não. Ela está bem da vida porque se tiver problemas vai para um hospital privado. Tu é te vais foder se tiveres um problema qualquer grave de saúde neste momento.

     /#/ 148880

    >>148868
    As máscaras não são um remédio santo. Se tiveres ao lado de alguém doente, não é a máscara que por si só te salva. Pode. Mas não é garante.

     /#/ 148881

    >>148852
    A Lei que o determinava não mudou. Por isso mantém-se a obrigatoriedade quando "não é possível respeitar a distância de segurança". O que mudou foi a coima aplicada em caso do não cumprimento. Mas da forma que o pessoal vai andar meio em pânico, eu não arriscava muito.

     /#/ 148882

    >>148880
    Mas no minimo dos minimos ponham a mascara nos putos. E são sempre aqueles que berram que andam no supermercado, foda-se, uma das miudas até rebolou no chão e os pais estavam se a cagar para o que a miuda fazia.

     /#/ 148883

    >>148882
    Uma máscara em putos dessa idade roça o inútil. Não tem qualquer noção nem qualquer cuidado. As manápulas são autênticas culturas de germes 99% do tempo. O vírus não se transmite só pelo ar.

     /#/ 148895

    >>148846

    Como não tens resposta às perguntas, partilhas dados sem qualquer referência a data ou sequer unidades ou legenda nos eixos, e acabas com o chavão:"não tenho tempo para me debruçar no tema".

    Tempo tens, caso contrário não ias procurar lixo até encontrar uma fonte cujos dados parecem corroborar aquilo que te interessa; não queres é analisares os teus próprios dados ao ponto de aceitares que o teu sonho sueco é falso.

     /#/ 148908

    1610629506085.jpg  (62,49 KB, 569x960) ImgOps


     /#/ 148910

    >>148908
    A culpa é do Passos por privatizar hospitais

     /#/ 148915

    1610634513229.png  (155,32 KB, 521x406) ImgOps

    Faz 1 ano hoje

     /#/ 148930

    >>148895
    Mais quais respostas, seu parolo? Tu é que andas a regurgitar merdas sensacionalistas que pintam a imagem que convêm a que escreve essa narrativa em vez de te focares em dados objectivos e procurares extrapolar o que lês para aquilo que os números te dizem. Vês alguma comunicação social piar sobre sobre a Bélgica? Claro que não e aposto que até teres visto aquele gráfico nem tinhas ideia do quanto catastrófica foi a resposta deles. A Holanda tem sido horrível - contudo comparativamente com Portugal, Espanha, França, Itália, Aústria, Húngria, República Checa, Bélgica, Suécia, Reino Unido e Estados Unidos tem menos mortos por 100.000 habitantes. E podia continuar nisto mas como já disse tenho pouco tempo porque para alem de ser também verifico as coisas em vez de papar todas as merdas que leio.

     /#/ 148946

    Juro que este governo é doente.
    A venda de roupa e livros em hipermercados é proibida. Para comprar umas meias ou cinto, tens de mandar online

     /#/ 148957

    >>148930

    Não percebo como és capaz de ler notícias de várias fontes diferentes incluindo suecas a revelar o quão má e pouco transparente a resposta deles está a ser e continuar a teimar o contrário.
    Recusas analisar os dados que partilhas, porque és "muito ocupado", mas negas cegamente as noticias e que os dados nao invalidam e até confirmam aquilo que as notícias revelam.
    Acusa-las de sensacionalistas e falsas, tens a ousadia de afirmar que todo o excesso de mortalidade é explicado pelo covid e não são números recordes, mas todos os dados e notícias contrariam isso.

    Não sei se o fazes por cegueira ideológica ou por teres a Suécia como uma sociedade utópica. Está mais do que provado que os métodos deles falharam, até porque tomaram medidas semelhantes ao resto da Europa.
    Já te mostrei provas com dados e notícias que estás enganado quanto à Suécia.
    Se não queres acreditar, não vou desperdiçar mais tempo contigo.


    Tudo (212 respostas e 39 imagens omitidas)
    Voltar[Resposta rápida]
    Apagar Comentário [ ]
    tudo i br int a c des fit pol t v w 3d meta