/cyb/ - Cyberia

Tecnologia, computadores, programação e loucura


Nova Resposta
Nome
×
Opção
Assunto
Mensagem
Ficheiros 🖌️ Máx 4100MB total
Password
Especial
[Nova Resposta]


>>/sobre/ >>/css/


4de6ebe9b4a0528619f5(...).jpg
[Esconder] (15.4KB, 474x316)
O que fariam se comprassem o Twitter?
Respostas: >>7205
>>7204 (OP) 
O que muita gente faria
Dissolvia a empresa e a rede social toda.
Respostas: >>7206 >>7208
>>7205
Parece uma péssima decisão de negócio, acabaste de afundar uns quantos milhões naquela treta...
Respostas: >>7207 >>7209
>>7206
Então pronto! Podiam postar mas primeiro tinham que postar temposelo com mamax.
>>7205
E depois alguém cria um tuiterino 2.0
Respostas: >>7209
>>7206
Se tivesse o dinheiro para comprar o passarinho azul tambem só precisava de uma fração muito pequena daquilo para viver relativamente bem para o resto da vida.

>>7208
Comprava logo quando estava ainda a crescer e depois dissolvia também. Acho que se o tuiter fosse com os porcos aquilo iria demorar uns anos até aparecer um substituto ao mesmo nivel.
Respostas: >>7212
>>7209
Estás a falar em termos de funcionalidades ou cultura? Porque tens alternativas livres&abertas ao twitter, com as mesmas funcionalidades, hoje.
Respostas: >>7214
Acabaria com o câncer progressista da internet e com as bolhas de retardados que têm lá...
>>7212
Termos de cultura e tamanho, devem existir outras alternativas ao twitter muito parecidas mas o numero de usuários iria demorar a voltar a convergir tudo numa só app
Respostas: >>7219
3a3f795779086abbbbea(...).jpg
[Esconder] (79.5KB, 750x975)
>>7214
Não sei se é necessário convergir numa só app apesar de ser sempre essa a tendência.
A ideia de federação, onde tens várias instâncias que podem interagir entre si, parece fundamentalmente boa e talvez haja uma tendência neste sentido. A união europeia quer forçar diversos "chats" (por exemplo, poderes enviar mensagens através do signal para o whatsapp e vice-versa) a fazerem isto.
Respostas: >>7220
>>7219
>A ideia de federação, onde tens várias instâncias que podem interagir entre si, parece fundamentalmente boa e talvez haja uma tendência neste sentido
Talvez, mas para isso acontecer e não teres um tubarão a comer todas as mais pequenas seria preciso os governos se juntarem e estabelecerem medidas e garantias concretas.
Eu seria mais a favor de ter mesmo cada pais com a sua versão de twitter e depois estas estarem ligadas entre si de forma descentralizada, seria o governo a controlar esses algoritmos mas ao menos poderia abrir uma janela de maior transparência com o publico e dar capacidade para este pedir certas mudanças. Acho que melhor que ter os príncipes sauditas ou o Elon Mosca a tomar as decisões para todos e no que lhe der na telha.
Respostas: >>7221
>>7220
Sim, sem dúvida! A descentralização deve ser controlada pelos governo num órgão centralizado porque estes são a garantia de transparência e gestão moderada do poder.Para além disso, todos sabem que estados são o motor da inovação tecnológica e sabem 100% o que estão a fazer.
Respostas: >>7222
>>7221
Vai ser descentralizado na escala mais internacional. Mas se achas que vais ter mais transparência e inovação com uma empresa gigante privada com monopólio no mercado então essa é a tua opinião.
No meu ponto de vista, se as pessoas não gostassem da moderação da rede social tinham ao menos com quem mandar vir e não serem ditos: é empresa privada cria a tua lol.
Respostas: >>7223
>>7222
>No meu ponto de vista, se as pessoas não gostassem da moderação da rede social tinham ao menos com quem mandar vir e não serem ditos: é empresa privada cria a tua lol
Esse é o objetivo de descentralizar, se não gostas da falta de transparência, das regras, ou da cor do logótipo: junta-te a outro nó (ou no limite, hospeda um). Não entendo porque o governo ter de controlar do pedestal, no limite também pode criar o seu próprio nó e ter lá todos os utilizadores de bem.
Respostas: >>7224
>>7223
> junta-te a outro nó (ou no limite, hospeda um). Não entendo porque o governo ter de controlar do pedestal, no limite também pode criar o seu próprio nó e ter lá todos os utilizadores de bem.
Porque a tendência é sempre a centralizar num só nó se não tens qualquer parede ou intervenção externa a impedir isso. Se não gostas do twitter mas queres algo tipo twitter então tens de te comprometer com um nicho qualquer que quase ninguém usa no teu país e se esse se tornar popular então corre o risco de ser comprado pela mega empresa.
Respostas: >>7225
>>7224
Certo e acho que concordamos nesse ponto, mas se estamos a falar de federação... Tu de um nó consegues interagir com as coisas do outro nó. Isto só não acontece se escolherem não federar contigo. 
O que é proposto na união europeia é federação ao nível dos chats portanto não é uma opção não federar. 
Se o whatsapp comprar os outros chats todos basta criar um novo e eles são obrigados a federar portanto parece uma má jogada da parte deles.
Respostas: >>7226
>>7225
Mas como vais conseguir obrigar a federar? Isso teria de implicar redes sociais muito iguais e para as empresas arranjarem forma de ambas comunicarem de alguma forma. Ou a qualquer nova rede que um Zé Miguel cria ter de obrigar a um gigante a tornar aquilo tudo compatível, terias de então obrigar a criar standards bem rígidos.
Respostas: >>7227 >>7228
>>7226
Só para adicionar, acho que entre chats como WhatsApps até seria fazível mas com coisas como instagramas, facebooks e twitters já não sei se é assim tão facil.
Respostas: >>7228
44616a0cad7a640d1a8d(...).jpg
[Esconder] (39.9KB, 400x351)
>>7226
>>7227
Eu não sei como é que eles estão a pensar resolver esse problema e é um assunto que tem de ser muito bem pensado. 
Tu tens protocolos que fazem isso hoje como é o caso do ActivityPub https://en.wikipedia.org/wiki/ActivityPub e não foram propriamente criados por canetada. Talvez uma abordagem seja definir o que é o mínimo viável (devem conseguir ver pelo menos texto, e imagens) e duas ou três alternativas (a informação deve ser trocada utilizando json, xml ou protobuffers e os campos obrigatórios devem seguir x ordem).  
Também é possível que quem cria o sítio tenha a obrigação de respeitar as coisas (talvez previamente aprovadas) quer seja para receber quer para partilhar e haja liberdade quase total das plataformas de se desemerdarem. 
>Só para adicionar, acho que entre chats como WhatsApps até seria fazível mas com coisas como instagramas, facebooks e twitters já não sei se é assim tão facil.
Eu acho que os chats não são assim tão diferentes das redes sociais em termos de funciona lides, especialmente se considerares reações e essas coisas todas.
Numa reviravolta, o que se estava a falar neste fio com governos e redes sociais meio que aconteceu... 
https://www.pcmag.com/news/eu-joins-mastodon-social-network-sets-up-its-own-server
Acho que não é uma instância aberta, no entanto.
https://social.network.europa.eu/about
Respostas: >>7301 >>7303
>>7300
Interessante, também abriram a sua instância de peertube
https://tube.network.europa.eu/
Suponho que faça sentido estas entidades correrem as suas instâncias de 'redes sociais' em vez de dependerem de terceiros
Respostas: >>7302
>>7301
Ah sim, o ptchina também tem algo parecido, que é o webring (que está desligado), que permite chans diferentes federarem-se, não é bem a mesma coisa mas podem ver um exemplo disso em funcionamento aqui: https://fatchan.org/boards.html
>>7300
Em Portugal temos o https://pleroma.pt/ com os https://servicosradicais.tech
PAREM A CONTAGEM
PAUSEM A COMPRA
PAREM A CONTAGEM
PAUSEM A COMPRA
PAREM A CONTAGEM
PAUSEM A COMPRA
https://www.wsj.com/articles/elon-musk-tweets-that-twitter-deal-is-temporarily-on-hold-11652436335
Respostas: >>7377
>>7376
Mais uma vez o mestre do vaporware diz que vai fazer algo, aparece nas notícias/redes sociais durante dias, depois afinal talvez não seja assim e fica tudo em águas de bacalhau
Ainda me lembro quando disse que todos os donos de um Tesla iriam poder transformar os seus carros em ROBOTAXIS e ganhar cerca de 30 mil dolarinos por ano e que já estaria a funcionar em 2020.
https://www.businessinsider.com/elon-musk-tesla-robotaxi-app-make-money-repurposing-cars-autonomous-2019-4

Curiosamente depois de comprar a Tesla fez tudo para afastar o seu fundador/criador.
Na verdade o Musk fez muito pouco, apenas foi comprando coisas e gerando hype com um "pequeno" empréstimo das minas de pedras preciosas do seu pai em África.
Editado por Escondido
[Nova Resposta]
25 respostas | 3 ficheiros
A ligar...
Denunciar/Moderar

Acões:

Captcha:

Instruções
NotíciasRegrasFAQLegal/DMCASourceDoar

Todas as marcas registadas, direitos de autor, comentários e ficheiros neste site são propriedade e responsabilidade dos seus respectivos autores e proprietários. Só um louco levaria o que aqui é escrito a sério.